terça-feira, 15 de maio de 2007

Ando maluca

Enganei-me três vezes a escrever «maluca», acho que isso diz bem do meu estado mental.

Ele há dias em que aparece tudo e mais alguma coisa destinada a desequilibrar a minha pouca sanidade mental. Esta noite tive um sonho estranho: o Manel Cruz e a sua banda (qual? não sei) viviam na minha antiga casa de Santo Ovídio, no quarto que foi da minha irmã e, antes, era conhecido como «o quarto dos passarinhos», por albergar várias gaiolas de pintassilgos. De alguma forma, esta informação entra no sonho e há imensos periquitos na mais recente curta metragem do meu subconsciente.

Há bocadinho, vou ao belogue do Nuno Prata e vejo um link para uma participação dos Ornatos no Rock Rendez Vous, no tempo da Maria Cachucha. Estou, evidentemente, perturbada.

2 comentários:

menina-alice disse...

Confesso que acho delicioso que tenhas essa adolescente dentro de ti que sonha tantas vezes com o Manel Cruz. :D

bicho_de_conta disse...

Cough, não há como negar o que dizes :D

Mas repara que eu não sonho assim tantas vezes - acontece é que o meu subconsciente é bastante afinadinho e, quando acordo, venho geralmente a perceber que havia uma razão para aquele sonho : )

Daí a vir confessar-me no belogue é um salto de periquito!

Tempos idos

FEEDJIT Live Traffic Feed