sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Testes

E ainda dizem que estas coisas não têm rigor científico! Numa tarde com pouco trabalho, segui o linque da blogthings, disponibilizado ali no Blog da Suz. Três tiros, três melros - o mesmo é dizer que os testes me revelaram que o meu verdadeiro mês de nascimento é Junho (nasci cinco dias antes do dito); que se eu fosse um país, era a Holanda («tolerant and unpretensious»), e que a minha cor é o roxo!...

«Your world is colored in dreamy, divine, and classy colors. Your color wheel opposite is yellow. While yellow people may be wise, they lack the manners and class needed to impress you.»

A propósito, depois de anos a fio a inventar coisas que na melhor das hipóteses me fariam parecer um saco de batatas, e dos feios, os senhores da moda lembraram-se de me compensar fazendo do roxo a cor desta estação. O efeito não é, porém, dos mais animadores: ainda nem começou a fazer frio e já estou um bocado farta de ver a «minha» cor em tanta gente (ainda outro dia, no autocarro, duas raparigas usavam blusas exactamente no mesmo tom). Espero que no próximo Inverno se decidam por um cinzento ou um azul-bebé, duas das (poucas) cores que nunca uso.

3 comentários:

Suz disse...

Melher, arrepio-me toda quando vejo o resultado dos testezinhos!

E e o meu preferido continua a ser o que me disse "You belong in London"

:)

João M disse...

o preto e o cinzento está aí em força. e o grunge voltou pela terceira vez - o Kayne West até usa camisas em xadrez nas fotos de promoção! : )

lisabel disse...

O cinzento fica-me francamente mal, pareço um rato : )

Quanto ao grunge... teve os seus momentos ; )

Beijos,

Lia

Tempos idos

FEEDJIT Live Traffic Feed