domingo, 5 de outubro de 2008

Adeus amigo

Se isto não é típico deste país o meu nome não é Lisabel.

Anda tudo preocupado com o casamento gay, a crise económica e o declínio do FCP quando, mesmo nas nossas barbas, uma barbaridade foi perpetrada.

Aposto que foi pela madrugada que «eles» fizeram isto. A mim já me tinham contado, mas só ontem tive coragem para confirmar a calamidade com os meus próprios olhos.

O boneco do Multibanco, esse amigo de todas as horas, foi substituído - à socapa, claro está - por uma versão «mais jovem, dinâmica e divertida», tem o site da SIBS o desplante de anunciar.

Na entrevista-relâmpago na mesma página, o bicho - frio, inexpressivo, adivinha-se que insensível - mostra a sua raça. Egocêntrico («A novidade sou eu»), vaidoso («Não estou giro?»), sem qualquer discernimento no uso da pontuação... uma lástima, com a qual teremos de conviver diariamente a partir de agora.

Será que alguém perguntou ao antigo detentor deste nobre cargo se estava cansado? Alguém o avisou que a reforma o esperava, sem apelo nem agravo, depois de 18 anos a dar guito à malta, sempre com aquele sorriso tolinho de quem não faz perguntas e não se acha o maior da rua dele?

Porque o antigo boneco do multibanco, meus amigos, tinha personalidade. E uma consciência sindical - em tempos deu uma entrevista à revista 365 (sim, não era como este, que só fala em modo de comunicado oficial) onde mostrava que dentro daquele corpinho rectangular e verde alface vivia um trabalhador como todos nós. Com um ou outro deslize efeminado (ai aquela perninha de ladeiro...), olhos a tremer assimetricamente em dias de maior stress ou cafeína, a ocasional moquita para esquecer a rotina (quem nunca o viu com aquela efémera e deliciosa expressão de ganzado?). Mas era tudo isto que fazia dele um companheiro tão especial.

Adeus, boneco do multibanco, não te esqueceremos. Espero que te tenhas afiambrado às poupanças dos pulhas que te fizeram isto e que gozes muito o descanso a que te forçaram.

Olhai que rico, ele ganzadito:



O tratante que o veio substituir:

6 comentários:

Beep Beep disse...

Adoro estas remodelações "jovens e divertidas". Será que puseram equipas de marketing a andar pela rua a perguntar a pessoas de 15-16 anos "Eh pá, curte aí este boneco! Não o achas bué jovem e divertido?" Será que ninguém respondeu "Méne, isso é só um rectângulo verde com olhos bué dilatados"? É certo que uma pessoa tem o hábito de ser saudosista para com aquilo com que viveu durante tantos anos, mas este Multinho não se compara ao antigo!

Suz disse...

Eh pá! Este blog também mudou!

lisabel disse...

:-)

Achas que está bem? Já tive uma queixa que esta cor de letra se lê mal... se mais clientes disserem o mesmo, retiro ;)

Suz disse...

Nem é a cor da letra melher, é o tamanho! Pôssas que isto tá grande!

Anónimo disse...

O quê????? O_O
Que a terra lhe seja leve.
Aqui näo há bonecos pra ninguém. Tudo muito maquinal, muito frio, como tempo *barafusta* *agasalha-se com casaco, cachecol e pensa em ir buscar as luvas*

Anónimo disse...

Esse comentário anónimo é meu, da tua Parola :P esqueci-me de assinar lol

Tempos idos

FEEDJIT Live Traffic Feed